Nas eleições de 2014 vários institutos erraram muitas de suas previsões, e esse fenômeno não é uma exclusividade do Brasil.